“Sentida homenaxe a Fernando Pérez-Barreiro”

Ir em baixo

“Sentida homenaxe a Fernando Pérez-Barreiro”

Mensagem  cdurão em Ter Jan 11, 2011 12:11 am

Em:

http://www.anosaterra.org/nova/50800/sentida-homenaxe-a-fernando-perez-barreiro-.html

Como sempre, absolutamente zero por parte de ANT sobre as ideias reintegracionistas dos vultos que convém enterrar, o mais aginha e assepticamente possível, com muitos shows de mágoa, isso sim, doutros vultos que têm nisto algo a ocultar (“presidentes do Consello da Cultura e da Real Academia Galega, Ramón Villares e Xosé Luís Méndez Ferrín, ademais de personalidades do mundo da política”).

Que me desculpe a amiga Teresa, mas o Fernando foi tb amigo e colega meu, e algo sei sobre a sua “traxectoria en diferentes ámbitos e momentos da súa vida”.

Fernando foi (com Teresa Barro, Xavier Toubes, Manuel Fernández-Gasalla e quem isto escreve) um dos fundadores do Grupo de Trabalho Galego de Londres (grafado com ll, como tb no hodierno http://www.grupotraballogalego.uk.net/) no 1970, em cujo Boletim, quasi-bimestral, se fizeram uns primeiros ensaios de adaptação de textos galegos à grafia portuguesa, para uso dos mestres galegos, e se disse claramente que galego e português são a mesma língua (“o galego non é lingua minoritaria. É -aínda- a lingua da maioría do pobo galego, a de Portugal, Brasil, Angola, Mozambique e outros pobos de África e Asia”, in "Plan pedagóxico galego", publicado na revista Grial, no 32, pág. 203); tb se lhe fez ali uma presciente crítica aos primeiros manuais do ILG (“Gallego 1/2/3”) e se alertou para a política linguicida do seu presidente, Constantino García.

Todos assinávamos o conteúdo e a linha editorial, mas nem todos estávamos de acordo nos passos práticos a seguir a partir dali. O meu relacionamento com o Fernando continuou a ser cordial. Convidei-o a alguma das Jornadas do Ensino da ASPG nos anos 80, e veio (e algo tive a ver tb eu nesse sucinto: “Foi colaborador de 'A Nosa Terra'”).

Posteriormente publicou, em galego e em inglês, notas arredor desta questão magna, apoiando o máximo achegamento, ao seu ver, das duas variantes, mas nunca deu o passo final. A sua atitude posterior poderia resumir-se nas próprias palavras (em http://www.grupotraballogalego.uk.net/boletin.htm), de março do 2007, se não lembro mal: ei-las:

"¿ESTAMOS NO MUNDO DA LÍNGUA PORTUGUESA?
Para convencer aos que non queren o galego da utilidade que poda ter aprendelo arguméntase que é unha língua "universal" porque está no ámbito do portugués.

É certo que o galego de seu é a mesma língua que o portugués, mas por razóns históricas, políticas e psicolóxicas hai moitos séculos que deixou de estar no mesmo ámbito que o portugués. Entre o galego oficial e "normalizado" de hoxe e o portugués hai tanta diferencia como entre o castelán e o portugués, porque ese "galego" que se impón pola forza non é mais que castelán galeguizado.

Para alguén de língua portuguesa tan alleo é "conejo" como "conexo"; outra cousa sería se lle dixesen "coello", que é como se di en portugués e como se di en galego de verdade. Tan alleos son á língua portuguesa, ou á galaico-portuguesa, "viernes" e "miércoles" como eses horríveis "venres" e "mércores" que nunca existiron no galego de verdade e que nunca se terían inventado se houbese algunha intención de recuperar o galego. E a alguén de língua portuguesa élle mais doado de entender se ve escrito "una" en castelán que se ve "unha" en galego inventado, que lerá "uña".

Os que cren que se pode entrar no ámbito do portugués có "galego" debían facer a prova de ver se son capaces de entender unha película en portugués. Se non entenden, ¿será que os da película non saben falar e falan "gallego cerrado" como falaban os da aldea?"

Em todo o caso, desde aqui, uma aperta final, amigo Fernando: descansa agora na minha/nossa lembrança.

Carlos

cdurão

Mensagens : 302
Data de inscrição : 26/12/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Sentida homenaxe a Fernando Pérez-Barreiro”

Mensagem  Isabel em Ter Jan 11, 2011 2:15 am

Obrigada/os, Carlos. Como sempre, muito interessante. Tens que ir recolhendo estas notas, e ampliando um pouquinho, devias publicá-las. No Estrolábio ou onde for.
avatar
Isabel

Mensagens : 276
Data de inscrição : 25/12/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum