História da nossa língua

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

História da nossa língua

Mensagem  Marcelo Pereira em Ter Ago 02, 2011 11:00 am

contada no Brasil por

Amini Boainain Hauy e Dulce de Faria Paiva

no livro História da língua portuguesa (Cotia, SP: Ateliê Editorial, 2008),

organizado por Segismundo Spina, "Professor Emérito da USP" (Universidade de São Paulo,

a universidade mais importante do Brasil).




Portugal tornou-se assim, reino independente da Galiza. Ao mesmo tempo que se separava da Galiza, estendia-se para o Sul, anexando as regiões reconquistadas. D. Afonso Henriques e seus sucessores prosseguiram na luta contra os mouros, até que em 1250 D. Afonso III concluiu a conquista do Algarve, fixando, então, politicamente os limites de Portugal de hoje.

Delineado Portugal politicamente, a língua falada naquela faixa de terra continuou sendo o galego-português até o século XIV, quando fatores políticos, sociais e lingüísticos determinaram a quebra da relativa unidade lingüística galego-portuguesa (cf., adiante, cap. 3, “O galego-português”).

A partir do século XIV, já com feição própria, distinta dos outros falares da região e com características que a distinguiam do galego, a língua portuguesa, levada pela conquistas das epopéias marítimas a outras partes do mundo, continuou evoluindo, transformando-se sob a ação de inúmero fatores e repetindo, através dos séculos, a sua história.

(Amini Boainain Hauy, “Origem e Formação da Língua Portuguesa”, p. 33)






Marcelo Pereira

Mensagens : 36
Data de inscrição : 25/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Marcelo Pereira em Ter Ago 02, 2011 11:05 am




Quando Portugal se separou da Galiza, no século XII, era o galego-português o idioma falado em toda a região da Galiza e da nascente nação portuguesa e, por três séculos ainda, foi o veículo da produção poética trovadoresca em toda a Península Ibérica..

(..)

Além disso, esse foi, durante o período da Reconquista, o idioma de comunicação com as populações mouras e moçárabes; nesse contato sofreu e exerceu influências lingüísticas que aceleraram o processo de divergência entre os falares ao norte e ao sul do Minho.

Falada pelos muçulmanos remanescentes da Reconquista, pelos moçárabes e por todos os estrangeiros participantes do repovoamento, a língua trazida do Norte e adotada durante três séculos pela nação portuguesa sofreu gradativamente uma significativa transformação, acelerada ainda pela decisiva influência dos dialetos moçárabes e pelos fatos políticos do prestígio de Lisboa, até adquirir, no século XIV, feição distinta que a caracterizou como língua portuguesa.

Amini Boainain Hauy, “Galego-Português”, p. 42


Marcelo Pereira

Mensagens : 36
Data de inscrição : 25/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Marcelo Pereira em Ter Ago 02, 2011 11:08 am



No meados do século XIV, em razão de diversos acontecimentos históricos, o galego-português cedeu lugar à língua portuguesa.


Dulce de Faria Paiva, “A Língua Literária no Século XV”, p. 148


Marcelo Pereira

Mensagens : 36
Data de inscrição : 25/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Gascao em Ter Ago 02, 2011 2:41 pm

Marcelo, confire a gravação da locutora do século XX do norte de Portugal (“Castro Laboreiro 3“) no site do instituto camoes

e compara-a com aquela da falante de Maçaricos na Galiza, ou com esta do Xurés (Gerêz):


“Bem Falado - Como falam no Gerês?“ (no youtube)


Pergunto eu: se a falante Castro Laboreiro fala português, que é que falam as galegas do “Xurés“, mesmo hoje com toda a história de espanholização?


E se as do Xurés (Gerêz) falam galego, que é o que fala a da gravaçao de Castro Laboreiro?


Como se podia falar “galego-português“ no século XII quando ainda não existia Portugal?


E à luz da identidade das falas a ambos lados das raias, se os dum lado da raia falam português, não é português o que se fala do outro lado? E como se pode dizer que os galegos falam, ou falavam, "galego-portugues" se eles nunca formarom parte do reino de Portugal?



O preconceito, caro Marcelo, a história a escrevem os vencedores, com meias verdades e mentiras ... aí é que o reintegracionismo galego vais bater, e não só na Espanha ...

Gascon

Gascao

Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/08/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Marcelo Pereira em Ter Ago 02, 2011 2:57 pm

São perguntas sérias e importantes, Gascon, que não se fazem no Brasil. Eu tenho outras que também me inquietam. Essa história está muito mal contada! Os vencedores em Portugal têm deixado herdeiros no Brasil. É lamentável!

Eu comentarei as suas outras colocações em outra ocasião.

MP



Última edição por Marcelo Pereira em Qua Ago 03, 2011 12:34 pm, editado 2 vez(es)

Marcelo Pereira

Mensagens : 36
Data de inscrição : 25/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Gascao em Ter Ago 02, 2011 3:03 pm

São perguntas sérias e importantes, Gascon, que não se fazem no Brasil. Eu tenho outras que também me inquietam. Essa história está muito mal contada! Os vencedores dela em Portugal tem deixado herdeiros no Brasil. É lamentável!

Eu comentarei as suas outras colocações em outra ocasião.

MP

É lamentável para um brasileiro como tu, caro Marcelo, mas para os galegos é o que está dando cabo de nós. O galego isolacionista colide com a visão preconceituosa portuguesa, eis o nosso cancro. Sem romper essas “barreiras mentais“ o galego não poderá passar de dialeto espanhol ...



Até loguinho! (ou não)



Gascon

Gascao

Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/08/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Marcelo Pereira em Qua Ago 03, 2011 12:42 pm

Gascao escreveu:Marcelo, confire a gravação da locutora do século XX do norte de Portugal (“Castro Laboreiro 3“) no site do instituto camoes

e compara-a com aquela da falante de Maçaricos na Galiza, ou com esta do Xurés (Gerêz):

Gascon

Eu não pude ver as gravações ainda, mas eu me lembro do sotaque de uma falante de Maçaricos num site galego. Para a minha mãe, ela era portuguesa! Como eu já consigo perceber o sotaque galego, eu prefiro dizer que tal falante tinha sotaque galego-português. Sotaque da Lusofonia, o que muitos reintegracionistas infelizmente não têm.

MP

Marcelo Pereira

Mensagens : 36
Data de inscrição : 25/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Marcelo Pereira em Qua Ago 03, 2011 1:02 pm

Mensagem editada:

Essa história está muito mal contada! Os vencedores em Portugal têm deixado herdeiros no Brasil.
Existe também um lusismo no Brasil. Mas, no caso da Universidade brasileira, os pesquisadores sempre dependeram da produção de pesquisadores de Portugal e tomam como verdade tudo o que se escreve lá. Se o Leite de Vasconcellos esteve no Brasil, certamente os pesquisadores brasileiros não estiveram em Portugal. Esse parece ser também o problema. Os acadêmicos brasileiros não conhecem Portugal.


Gascao escreveu:
(...) a visão preconceituosa portuguesa, ...

O Leite de Vasconcellos me pareceu muito preconceituoso em relação ao idioma galego. Além de insistir que a "língua portuguesa provém fundamentalmente do latim da Lusitânia", ele disse coisas sobre o galego que eu prefiro não repetir aqui. Existem outros filólogos portugueses, mas eu acredito que os filológos e os lingüistas brasileiros (por conseqüência) têm muita influência do pensamento dele. Por essas razões e também por ser um lingüista idôneo no que diz respeito à Galiza, eu acho que o Fernando Venâncio deveria ser respeitado e valorizado pelos "lusistas".

MP








Marcelo Pereira

Mensagens : 36
Data de inscrição : 25/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: História da nossa língua

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum